Nova turma do Projeto Formar

O Projeto Formar, uma das iniciativas de responsabilidade social da Renner Sayerlack, dedicada a oferecer ferramentas para que jovens possam dar seus primeiros passos na vida profissional, foi retomado com mais uma turma com 41 alunos indicados pelos nossos colaboradores.

O primeiro encontro aconteceu em 27 de julho e, ao longo do segundo semestre, os jovens participarão de várias oficinas, com metodologias ativas visando oferecer aulas dinâmicas e interativas.

Os encontros acontecem duas vezes por semana, sempre às quartas e sextas-feiras, das 14h30 às 17h30, sendo de extrema importância a frequência nos encontros para aproveitamento de todos os conteúdos, fundamentais para o aprendizado.

Confira os temas das aulas deste semestre.

  • Desenvolvimento pessoal
  • Gestão administrativa
  • Meio ambiente
  • Nova economia
  • Novas competências pessoais
  • Cores e inovação
  • Marketing
  • Economia e carreira
  • Sustentabilidade e educação ambiental
  • Indústria 4.0

Além desse rico conteúdo, os alunos do Projeto Formar ainda contam com aulas de musicalização e terão a oportunidade de participar de um encontro especial com nosso diretor geral, Marcelo Cenacchi, que compartilhará informações sobre o ambiente de negócios.

ODS 6 – Água Potável e Saneamento

Garantir disponibilidade e manejo sustentável da água e saneamento para todos até o ano de 2030 e alcançar o acesso universal e equitativo a água potável e segura para todos. É o que busca o 6º Objetivo do Desenvolvimento Sustentável da ONU, agenda mundial criada durante a Cúpula das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável, realizada em setembro de 2015. Ao todo, são 17 objetivos e 169 metas que a ONU sugere para que as empresas norteiem até 2030 suas estratégias de responsabilidade socioambiental.

Com uma longa trajetória de compromisso social e ambiental, a Renner Sayerlack desenvolve ações nessas áreas há muitos anos, antes mesmo dos objetivos da ONU serem criados.

Um exemplo é o foco que temos no ODS 6, uma vez que sempre nos preocupamos com o uso racional da água potável. Tanto que fomos a primeira empresa de Cajamar a ter uma Estação de Tratamento de Efluentes (ETE). Implantada em 1998, nossa ETE trata todo o efluente doméstico e industrial gerado em nossas instalações. Além disso, monitoramos mensalmente todo o consumo de água e realizamos campanhas educativas para informar os colaboradores sobre a importância do uso consciente da água, recurso natural fundamental à vida.

Parte da água tratada em nossa ETE é usada para regar os jardins da empresa e para abastecer o reservatório destinado exclusivamente ao sistema combate a incêndios, que tem capacidade de 1 milhão de litros de água. Já o volume excedente retorna para o Ribeirão dos Cristais, rio localizado atrás da empresa. Com isso a Renner Sayerlack contribui para a qualidade da água da região, já que ela volta ao meio ambiente volta totalmente limpa.

O lodo gerado nesse processo é enviado para uma empresa que faz a compostagem – processo biológico, natural e controlado, capaz de bioestabilizar a matéria orgânica com a ocorrência de altas temperaturas, que resulta na transformação de resíduos antes indesejados em novos ativos de qualidade e valor ambiental, destinados a agricultura e paisagismo.

Nós conseguimos tratar 100% de nossos efluentes. E você, também está usando a água com consciência?

De olho no futuro dos jovens

Investir na formação técnica e de qualidade é um dos principais caminhos que levam ao sucesso profissional. Reconhecendo isso, a Renner Sayerlack mantém seu Programa de Aprendizagem, que oferece a jovens seu primeiro emprego com salário e registro em carteira, além de fornecer capacitação técnica e profissional de qualidade, sem custo algum para o aprendiz.

O programa, realizado pela Renner Sayerlack, é desenvolvido em parceria com o SENAI, que responde pela oferta de cursos como Mecânica de Usinagem, Eletricista Eletroeletrônico, Eletricista Industrial e Técnico em Eletrônica.

No mês de julho, a empresa admitiu 15 novos aprendizes, dos quais 14 irão estudar no SENAI de Santana de Parnaíba (SP) e 1 no SENAI de Caxias do Sul (RS). O processo seletivo para o preenchimento das vagas se inicia pela indicação de participantes pelos colaboradores, que passam então por uma seleção realizada pelo SENAI, que leva em conta as notas escolares. A partir dos resultados, a empresa escolhe os melhores colocados.

Por dois anos, tempo de duração do programa, o jovem receberá um salário para estudar e terá registro em carteira, com direito ao recolhimento do FGTS e do INSS, vale-transporte e seguro de vida. O curso de formação técnica tem duração de quatro horas por dia e os jovens recebem informação teórica e prática, tudo com o acompanhamento do SENAI.

“Ao longo de tantos anos contratando aprendizes, sentimos imensa satisfação ao conversar com eles após o término do contrato e perceber que todos elogiam a metodologia de ensino, a escola, os professores, o curso e o contrato com a Renner Sayerlack”, comenta Alessandra Stephanin de Carvalho, gestora da área de Recursos Humanos.

Atualmente a empresa tem 20 contratos de aprendizagem em vigor, contando com:

  • 14 aprendizes em Cajamar;
  • 1 aprendiz na Filial Arapongas;
  • 1 aprendiz na Filial Caxias do Sul;
  • 1 aprendiz na Filial Ubá;
  • 1 aprendiz na Filial São Bento (em contratação).

FIQUE ATENTO – O próximo processo seletivo para novas contratações de aprendizes para Cajamar será realizado em meados de 2024.

Patrocínio ao Projeto Viva a Viola

Por meio da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, a Renner Sayerlack foi uma das patrocinadoras do Projeto Viva a Viola, da Orquestra Paulistana de Viola Caipira, que é composta por 30 violeiros e regida pelo maestro Rui Torneze.

O espetáculo aconteceu no dia 16 de julho, no Complexo Fepasa, na cidade de Jundiaí. Com ampla divulgação e excelente organização, a apresentação atraiu centenas de pessoas que puderam contemplar a orquestra e seu repertório bastante diversificado, que vai da tradicional música caipira de raiz até a música erudita, passando pela MPB, new age e world music, o que faz com que suas apresentações agradem a todos os públicos.

Apresentação da Orquestra Paulistana de Viola Caipira

Quem compareceu ao espetáculo pôde contribuir com o Grendacc – Grupo em Defesa da Criança com Câncer, com doações através de QR Codes distribuídos pelo local.

A divulgação contou com uma reportagem no jornal de Jundiaí, no site da prefeitura e em mídias sociais, além do espetáculo ter sido transmitido ao vivo pelo YouTube.

Projeto Formar 2022

Investir na educação é uma das principais frentes da política de responsabilidade social da Renner Sayerlack. Entre as atividades realizadas, o Projeto Formar nos dá muito orgulho, pois ao longo de 20 anos de realização já conseguimos formar mais de 800 alunos.

O projeto é reconhecido por fornecer ferramentas e aprendizados para que os jovens possam dar seus primeiros passos na carreira profissional. Com a pandemia, suspendemos suas atividades, mas agora, com muita alegria, anunciamos seu retorno.

As inscrições para a edição 2022 do Projeto se encerraram em 22 de junho. Todos os colaboradores foram incentivados a indicar um jovem entre 14 e 16 anos de idade para participar das aulas, e podiam ser indicados filhos, sobrinhos ou conhecidos. Os nomes dos jovens selecionados foram anunciados no dia 27 de junho.

Já o início das atividades aconteceu em 22 de julho, e as aulas serão realizadas duas vezes por semana, às 4ª e 6ª feiras, das 14h30 às 17h30, aqui na sede da empresa.